"Cidadão Ilustre", ótimo filme de 2017, uma sátira temperada com humor negro. Mais um presente argentino para a sensibilidade, pleno de mensagens sobre a ética de artistas, apreciadores e de nós, no dia-a-dia corrente. Um filme que fala ao coração mas também é alimento...

Para nós a menção a patriarcado talvez traga a memória da sociedade colonial. Amor e estima contavam, mas o clã familiar era submetido a uma autoridade que se impunha por certo tipo de respeito reverencial, quando não pelo temor. Será que esse cerne hierárquico e autor...

Com o título brasileiro de "Pecados Antigos, Longas Sombras", o cinema espanhol nos brinda com mais um ótimo filme, "La Isla Mínima", que se passa em um país ainda engatinhando na democracia, alguns anos depois da morte de Franco.

Uma boa diversão, para os que...

"Flores" (Loreak) nos envolve em seu ritmo delicado e sua sensibilidade à flor da pele. A narrativa é fascinante, crescendo em expectativa para o final. Os atores são ótimos e com sua interpretação contida mas intensa nos fazem vivenciar com emoção o estado interior de...

Revisitei ontem à noite, pelo Oldflix, esse grande filme produzido ​no final da década de 1960. No original: "They shoot horses, don't they?" Ambientado na era da recessão irrompida em 1929 nos EUA, traça amargo retrato do desalento, da procura angustiante pela sobrevi...

Assisti ontem pelo iTunes, dirigido por Damián Szifrón. São seis episódios, um deles com Ricardo Darin.

São histórias de vingança, carregadas de violência e narradas em clima de humor negro.

Imperdível.

Please reload

MINHA CRENÇA POLÍTICA



Sonho com uma sociedade que realize o ideal de justiça e de liberdade. Que não discrimine por motivo de sexo, raça, religião. Que liberte os que trabalham, empregados e patrões, quando submetidos a situações não dignas ou que os impeçam de produzir. Que permita a ascensão dos que hoje são obrigados a labutar na economia informal, repudiados por preconceitos. E que seja eficiente e moderna.

... Leia mais

Auriverde pendão de minha terra,

(...)

Antes te houvessem roto na batalha,

Que servires a um povo de mortalha!

                         Castro Alves

Posts em Destaque

Como estará o Brasil em 2022, no bicentenário?

February 22, 2017